segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Equipe de rondonistas da UEL parte para o nordeste brasileiro

A equipe da UEL selecionada para integrar a Operação Canudos – Ação B, do Projeto Rondon, embarcou na noite de quinta-feira, dia 10, para Queimada Nova, no Piauí. Os estudantes estão acompanhados das professoras Carmen Lucia Scortecci Hilst (CCA) e Maria Helena Fungaro (CCB).

A viagem foi longa até o destino: os alunos passaram por Curitiba e Brasília, chegando a Petrolina depois de 16 horas de viagem, alojando-se por dois dias no 72º Batalhão da Infantaria Motorizada, de onde partiram, em conjunto com a Universidade Federal de Alfenas, para o Piauí.

O objetivo do Projeto é desenvolver atividades que contribuam para o desenvolvimento sustentável da comunidade e ampliação do bem estar da população. Ações como educação ambiental; incentivo à produção de hortas; manejo de caprinos e ovinos; manejo de pastagem e nutrição animal; resgate da história local e identidade da população; estímulo à economia solidária e à organização comunitária; gestão de resíduos; e práticas de instalação de fossas sépticas, estão entre as propostas da equipe da UEL.

Além das professoras que coordenam a equipe, viajaram oito alunos: Camila Balestri dos Santos, Fernanda Zandonardi Machado, Isaque Motta Barbosa, Lais Taine de Oliveira, Luiza Reis Simionato, Mônica Belém, Tânia Eiko Eishima e Tatiane Lobak.

As cidades selecionadas para receber o Projeto estão entre as com os menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil. A Operação Canudos levará 400 alunos de 40 Instituições de Ensino Superior do Brasil a conhecer uma parte do nordeste brasileiro, onde estão comunidades carentes da região. Além dessa, mais duas Operações serão realizadas: São Francisco e 2 de Julho, com ações nas regiões de Aracaju e Salvador, no início de 2013.



Um comentário: