segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

UEL inicia atividades no Projeto Rondon

Texto de Otávio Cezarini Ávila - Rio Maria/Pará


Os rondonistas da UEL enfim chegaram ao estado do Pará, destino dos 10 integrantes da comitiva londrinense após uma longa jornada de mais de 24 horas.

A equipe formada por 8 graduandos e 2 professores saiu de Londrina no dia 14 pela manhã, passou por Curitiba, São Paulo e Brasília. Como houve atrasos no vôo, os rondonistas dormiram na capital brasileira e retomaram a viagem no dia seguinte. Às 10h40 (horário de Brasília) chegaram a Marabá e foram recebidos pelo Sargento Paes, o “anjo” da equipe durante as duas semanas de trabalho, e foram encaminhados à solenidade de abertura.

E não foi só a UEL que foi recebida em Marabá. Outras 40 universidades se fizeram presentes na solenidade que abriu oficialmente a Operação Carajás do Projeto Rondon e puderam ouvir personalidades, autoridades e sentir a força motriz do projeto: o amor à pátria.

Durante todo o dia todos os 400 rondonistas vinculados à Operação participaram de oficinas de selva no 52 Batalhão de Infantaria de Selva, localidade de trabalho de dezenas de oficiais militares que zelam pelo Pará. O dia foi finalizado com a palestra do Coronel Samuel, comandante do Batalhão. Em sua fala ele ressaltou o trabalho dos militares que, segundo ele, têm se voltado para a segurança do Brasil e “embora não queira nunca passar por uma guerra, estaremos sempre preparados para a esta possibilidade”, mostrando assim a doação dos homens oficiais pelo país.

Até o dia 30 muitas notícias serão mandadas. A partir do dia 16 os rondonistas da UEL se juntam com a equipe da PUC Poços e se voltam à Rio Maria para muitas ações, aprendizados e vivências inesquecíveis.


Equipe UEL – Operação Carajás:


Carmem Hilst (coordenadora)

Caroline França (geografia)

Débora de Carvalho (veterinária)

Francisco Fernandes (zootecnia)

Gilberto Hildebrando (coordenador)

Marcus Vinicius Bortolotti (ciência da computação)

Nathália Bernardes (administração)

Nathália Cavalcanti (economia)

Otávio Ávila (relações públicas)

Valéria Balan (agronomia)

Nenhum comentário:

Postar um comentário