quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Rondonistas da UEL voam para o Maranhão

Agência UEL

Equipe da UEL aguardando o embarque no aeroporto de Londrina

Oito estudantes e duas professoras da UEL embarcaram na manhã de hoje, 19, para o Maranhão. Eles integram a equipe selecionada para a primeira Operação do Projeto Rondon de 2012 que atuará na cidade maranhense de Buriticupu. Os estudantes estão acompanhados das professoras Cristiane Medina e Carmen Hilst, do Centro de Ciências Agrárias (CCA).

Eles participarão da Operação Babaçu, ação B, que tem como foco as áreas de Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho. Atenderá 12 municípios, levando 239 voluntários, de 24 instituições de ensino superior de várias regiões do Brasil. Os estudantes ministrarão oficinas, cursos e palestras para serem desenvolvidos nas comunidades a partir da semana que vem, com encerramento marcado para 6 de fevereiro.

A Operação Babaçu começará no município de Imperatriz, com o apoio do 50º Batalhão de Infantaria de Selva. Serão atendidos os municípios de Açailândia, Aguiarnópolis (TO), Amarante do Maranhão, Buriticupu, Buritirama, Estreito, Governador Edson Lobão, João Lisboa, Ribamar Fiquene, São Francisco do Brejão, São Pedro da Água Branca e Vila Nova dos Martírios.

Desta vez o Projeto Rondon atenderá 22 municípios do Maranhão e um do Tocantins. Coordenado pelo Ministério da Defesa, o Projeto Rondon tem como objetivo promover a participação voluntária de estudantes universitários em iniciativas que contribuam para o desenvolvimento sustentável das comunidades assistidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário