quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

UEL (PR) e UFV (MG) ampliam ações da saúde em Buriticupu



Do Maranhão / Guilherme Santana



A escolha das cidades que são atendidas pelo Projeto Rondon é realizada por regiões que possuem baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que leva em consideração a expectativa de vida ao nascer, fator ligado diretamente com a questão da saúde. A Operação Babaçu em Buriticupu, realizada pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e a Universidade Federal de Viçosa (UFV), está ampliando o número de ações para atender ao máximo às necessidades do município.

O foco inicial do trabalho era com os agentes comunitários de saúde e agentes de controle de endemias, desenvolvendo os temas de cuidados e lazer para portadores de necessidades especiais, cuidados com a água, planejamento familiar, DSTs, métodos contraceptivos, aleitamento materno e alimentação saudável. O atendimento se estendeu à comunidade levando esses e outras palestras para a população.

Após o início das atividades em Buriticupu, foi-se estabelecendo vínculos com outras instituições, como o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), agentes comunitários, postos de saúde e o Instituto Federal do Maranhão (IFMA). Foram feitas palestras motivacionais para agentes comunitários, dinâmicas sobre deficiência visual e, higiene corporal e bucal, recreação infantil.

O mutirão da saúde realizado no povoado de Segundo Núcleo no último final de semana, revelou um perfil nutricional da população com uma grande quantidade de pessoas com sobrepeso ou obesidade (cerca de 40% dos auditiva testados). Em menor valor, porém significativo, também foi verificada uma porcentagem dos testados com baixo peso (13%). Foram feitos testes com cerca de 60 pessoas, avaliando glicemia, pressão arterial, índice de massa corpórea (peso/altura), perímetro da cintura e do quadril.


O foco da próxima ação é a Vila Pindaré, em Buriticupu, onde serão realizadas palestras sobre a humanização da saúde e orientações nutricionais, hipertensão, diabetes, e, em razão dos resultados obtidos no Segundo Núcleo, também serão trabalhados os temas da obesidade e da magreza. O atendimento à região será realizado neste sábado, dia 4 de fevereiro, durante todo o dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário