segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Seleção para Projeto Rondon – Operação janeiro 2011

Estão abertas as inscrições para a seleção de alunos para o Projeto Rondon, Operação janeiro de 2011. A UEL estará participando da ação A com a Operação Rio dos Siris, em Santana do São Francisco/SE e a ação B com a Operação Carajás, em Rio Maria/PA.

Para participar da seleção os alunos precisam se inscrever na Pró-Reitoria de Extensão (Proex), entregando Curriculum vitae resumido com telefone e e-mail; ter participação comprovada em projetos de extensão ou no evento Atividades Rondonistas; apresentar comprovante de matrícula 2010. A partir da inscrição, uma entrevista será marcada com o estudante.

Podem participar da seleção para a Operação Rio dos Siris os estudantes dos cursos: Biomedicina, Ciências Sociais, Jornalismo, Design Gráfico, Direito, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, História, Letras, Medicina, Odontologia, Pedagogia, Psicologia e Serviço Social.

Já para a Operação Carajás, estudantes dos cursos: Administração, Agronomia, Arquivologia, Biblioteconomia, Ciências Biológicas, Ciências da Computação, Ciências Econômicas, Engenharia Civil, Geografia, Jornalismo, Medicina Veterinária, Química, Relações Públicas, Secretariado Executivo e Zootecnia.

O período de atuação será de 21 de janeiro a 6 de fevereiro para a Ação A, em Sergipe, e de 14 a 30 de janeiro para a Ação B, no Pará.

As inscrições podem ser feitas até o dia 5 de novembro, às 17h30 horas. É necessário que o estudante esteja cursando o último ou penúltimo ano do curso em 2010, exceto para o curso de Medicina, em que a inscrição está aberta para alunos a partir do 3º ano.

Mais informações pelo site www.proex.uel.br/rondon ou pelo telefone 3371-4592.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Inscrições abertas para financiamento de pesquisas sobre desenvolvimento social

Estão aberta as inscrições para o processo seletivo para financiamento de
pesquisas e estudos na área de avaliação de políticas de desenvolvimento
social e combate à fome. Os projetos vencedores poderão solicitar
financiamento de até R$ 60 mil, sendo que cinco projetos serão
selecionados. O financiamento é resultado de parceria entre o Conselho
Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), e os
ministérios do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e do
Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT). As inscrições podem ser feitas
até o dia 8 de novembro.

Serão priorizados os trabalhos que tiverem estudos e avaliações de
proteção e desenvolvimento social, vinculado a programas, ações e serviços
do MDS, como foco. Os concorrentes devem apresentar propostas nos temas de
assistência social; segurança alimentar e nutricional; Bolsa Família –
estratégias para alívio e superação da pobreza; inclusão produtiva e
integração entre serviços socioassistenciais.

Requisitos – Os interessados em concorrer ao financiamento devem preencher
todos os pré-requisitos estabelecidos no edital, além de possuir o título
de mestrado ou doutorado, com currículo cadastrado na Plataforma Lattes, e
vínculo celetista ou estatutário com a instituição de execução do projeto.
As propostas devem ser encaminhadas ao CNPq, por intermédio da Plataforma
Carlos Chagas (http://carloschagas.cnpq.br/), até 8 de novembro. Os
resultados serão divulgados no dia 13 de dezembro de 2010. A execução dos
projetos deverá ter uma duração média de seis meses.

O edital está disponível em: http://www.cnpq.br/editais/ct/2010/036.htm.
(Fonte: www.mds.gov.br)

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Conferência do PARFOR abordará formação do professor

da Agência UEL


Com o tema “A Formação do Professor-Aluno: seu Impacto na Educação Básica e no Ensino Superior”, a 2ª Conferência do Plano Nacional de Formação de Professores PARFOR) será realizada na segunda-feira, dia 25 de outubro, às 14h30, no Anfiteatro do Centro de Estudos Sociais Aplicados (CESA).

O evento contará com a participação do vice-governador eleito, Flávio Arns, e da superintendente da Secretaria da Educação de Estado, professora Alayde Digiovani.

Além de prefeitos, secretários de Educação dos Municípios, chefes de Núcleos Regionais de Educação, o evento também é direcionado às entidades de classe, professores e alunos da UEL, e participantes do PARFOR.

Para a professora Martha Santana Marcondes, diretora de Avaliação e Acompanhamento Institucional e coordenadora do PARFOR/UEL, a conferência é uma maneira de interar os municípios sobre as ações desenvolvidas na Universidade, que contribuem para a melhoria da Educação Básica no Paraná.

O evento faz parte do Plano de Ações Articuladas (PAR), que desenvolve ações e políticas para melhorar a formação pedagógica dos professores da Educação Básica. São políticas voltadas para três frentes: primeira licenciatura, destinada aos professores em exercício na Educação Básica que não possuem nenhuma graduação; segunda licenciatura, para os professores que estão fora da área de formação específica, além dos bacharéis e tecnólogos em exercício; e ainda formação continuada e pós-graduação.

A conferência tem o apoio das pró-reitorias de Planejamento (Proplan), de Graduação (Prograd) e de Extensão (Proex), além da Sercomtel e Caixa.

As inscrições deverão ser realizadas no endereço http://www.uel.br/eventos/parfor. Com certificado de participação, a inscrição custa R$ 5,00. Mais informações nos telefones 3371 4642 ou no e-mail parfor@uel.br.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

PROEX modifica e revitalza sua marca



Desde junho de 2010, a Pró-reitoria de Extensão (PROEX) está sob coordenação da professora doutora Cristianne Cordeiro Nascimento, que assumiu o cargo de Pró-reitora. Deste então, a administração da PROEX vem trabalhando em mudanças que representem a nova gestão. Entre essas alterações, está a sua imagem, que foi repensada para se adequar aos novos objetivos da pró-reitoria.

“As marcas envelhecem e precisam ser revitalizadas. Com o redesign você não perde a essência e o histórico de uma marca, apenas incorpora uma roupagem nova que a moderniza. A PROEX tem uma visão contemporânea, por isso tivemos que revitalizar a logo para que ela fosse adequada aos nossos objetivos”, explica a pró-reitora de extensão, que também é docente do Departamento de Design Gráfico.

A nova logo, foi criada pela estudante de Design Gráfico e estagiária da PROEX, Danielle Gracioso, que se baseou em um elástico para formular a nova imagem. “Após manuseá-lo, decidi trabalhar com o elástico, entrelaçando-o e formando um X, graças a sua característica de elasticidade. Essa propriedade faz com o objeto retorne sua forma próxima à inicial após estendê-lo. Apesar de não ser aparente, ele mudou de algum modo”, contou a criadora da marca que deve a orientação do professor Renato Macri.

Assim, a última letra da PROEX agora é constituída de um material único, trabalhado de modo a representar essa continuidade de uma integração. A letra X da nova marca representa o fluxo contínuo da parceria entre a universidade e a comunidade por meio da extensão.

A marca reformulada será usada no site da UEL e da Pró-reitoria de Extensão, bem como em todos os sites relacionados com a PROEX. Além disso, os formulários de projetos, baneres, folderes e todo material de divulgação relacionado à extensão universitária da UEL também apresentarão a marca.